Queda de acidentes fatais na Anchieta-Imigrantes atinge recorde em 2015

A Ecovias registrou em 2015 o menor número de acidentes e vítimas fatais em 17 anos de concessão.

Acidentes
Vista aérea da SP-160 / Divulgação

Faz 17 anos que o Sistema Anchieta-Imigrantes está sob concessão da Ecovias. Desde então, o tráfego viu um aumento de 47% no número de veículos. E na contramão desta alta está uma expressiva redução nos números de acidentes e vítimas fatais nas duas estradas. Em 2015 foram registrados 4.532 acidentes contra 7.147 em 1999, uma redução de 36%. Em relação às vítimas fatais, o número caiu 52%, de 149 em 1999 para 71 em 2015.

Em relação ao ano anterior, os resultados também são expressivos. O Sistema Anchieta-Imigrantes registrou 31 mortes a menos em 2015 do que em 2014, quando 102 pessoas morreram nas rodovias do SAI, queda de 30%. Em relação aos acidentes, a redução foi de 10,6%, de 5074 em 2014 para 4532 no ano passado. A quantidade de vítimas feridas também reduziu. A concessionária computou 1778 em 2015 contra 1994 em 2014.

“Desde que assumimos a concessão realizamos inúmeras obras, campanhas e melhorias operacionais, mas o efeito não seria o mesmo se não tivéssemos a participação do usuário”, diz o gerente de Atendimento ao Usuário da Ecovias Walfrido Oliveira. “A análise dos acidentes demonstra que a maioria ainda acontece por imprudência ou imperícia do motorista, mas o fato de estarmos registrando queda significa que a sociedade está respondendo bem às nossas campanhas e ao trabalho de fiscalização feito pelos órgãos competentes”, completa.

O balanço apurado pela Ecovias aponta que os acidentes mais comuns são: colisão traseira, choque contra obstáculo fixo, tombamento, sequência (quando um acidente ocorre em consequência de outro) e colisão lateral. Os veículos que mais se envolveram em acidentes em 2015 foram automóveis (53% do total), motos (18,5%), caminhões (16,5%), perua/caminhonete (9,2%) e ônibus (1,2%).

Campanha de Segurança

Além de diversas ações educativas nas comunidades do entorno e palestras em escolas e empresas, a concessionária costuma realizar campanhas para conscientização dos usuários. Nesse verão, o Grupo Ecorodovias está promovendo uma nova campanha educativa de segurança viária. Intitulada “Celulares ‘sofrem acidentes'”, a ação tem o objetivo de chamar a atenção dos motoristas para um dos principais fatores causadores de acidente de trânsito: o celular. Uma pesquisa feita pelo departamento de tráfego da Espanha mostra que 51,74% dos acidentes com lesões são causados por falta de atenção provocada por dirigir e usar o celular. Mais de 80% dos entrevistados também afirmaram ver outros motoristas enviando mensagens constantemente ou ocasionalmente. Para inibir a prática e sensibilizar os usuários do SAI, outdoors da campanha já foram instalados nas rodovias administradas pela Ecovias.