As fabricantes de autopeças instaladas no Brasil faturaram 8,2% a mais em janeiro de 2019 que no mesmo mês do ano passado. A variação acumulada nos últimos 12 meses revela alta ainda maior, de 15,6%. O fornecimento para as montadoras em janeiro cresceu 9,2% e representa 63% dos negócios. Os números foram divulgados pelo Sindipeças, entidade que reúne fabricantes do setor.

As exportações avançaram 5% quando analisadas na moeda brasileira, mas caíram 9,9% em dólares. Ainda assim as vendas externas mantêm parcela significativa do faturamento, 18,3%. Os negócios com o mercado de reposição avançaram 4% e detêm 14% das vendas do segmento.

O maior crescimento em janeiro, 22,2%, ocorreu nas vendas intrassetoriais, aquelas entre os fabricantes do próprio setor, mas sua participação é de apenas 4,3% no faturamento total.

Os empregos na indústria de autopeças tiveram variação positiva de 7,5% nos últimos 12 meses e a utilização da capacidade instalada em janeiro foi de 67%, a mesma de janeiro de 2018. Tende a crescer de cinco a sete pontos porcentuais na análise de fevereiro.

Fonte: Portal NTC (com informações do Automotive Business).