BNDES apoia com R$ 530,4 milhões implantação do BRT da Grande Vitória

Boa notícia para os capixabas. O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, e o diretor da Área de Infraestrutura Social do BNDES, Guilherme Lacerda, assinaram nesta segunda-feira, 14, em Vitória, contrato para a concessão de financiamento de R$ 530,4 milhões para o Governo do Estado realizar a implantação da primeira etapa do Sistema BRT (Bus Rapid Transit) na Região Metropolitana da Grande Vitória. O apoio financeiro será feito através da linha de financiamento de projetos estruturadores de transporte urbano. O projeto executivo tem previsão para começar até o final do primeiro semestre deste ano.

O projeto integra o Plano Diretor de Transporte Urbano da Região Metropolitana da Grande Vitória e visa racionalizar o modelo existente, priorizando o transporte coletivo. Será estruturado um sistema integrado de transporte sobre pneus com ônibus modernos e corredores exclusivos.

O valor do projeto é de R$ 742,3 milhões. Deste total, o BNDES financiará 71,5%. Ao longo da sua fase de implantação, serão gerados cerca de 3 mil empregos diretos. Quando entrar em operação, o Sistema BRT deverá gerar mais de 400 empregos diretos.

O projeto prevê, inicialmente, a implantação do Sistema BRT nas vias de maior congestionamento e por onde circulam as linhas troncais do programa de transporte coletivo local, interligando os terminais de Carapina, São Torquato, Jardim América, IBES e Vila Velha, com cerca de 32 km de extensão. Inicialmente, ele atenderá demanda de até 18 mil passageiros/hora em cada sentido.

A finalização do projeto está prevista para 2016, mas durante a execução do projeto algumas obras viárias serão realizadas.

Foto: Divulgação/ Secretaria de Transporte e Obras Públicas do Espírito Santo