Budel Transportes compra 53 Axor 2644

Uma das maiores transportadoras dos segmentos sucroalcooleiro, cargas líquidas e secas do Brasil, a Budel Transportes renovou a frota com a aquisição de 53 unidades do caminhão extrapesado Axor 2644 6×4, da Mercedes-Benz. Estes veículos já estão em operação na configuração rodotrem de 9 eixos, com 74 toneladas de PBTC, e aplicados no transporte de cana de açúcar no interior de São Paulo. Operam principalmente em vias fora de estrada, além de alguns trechos mistos.

“A Mercedes-Benz tem uma longa história conosco desde 1967, quando meu pai, Darci Budel, começou a trabalhar como autônomo com um L-312”, afirma o diretor Marcus Vinicius Budel. Na avaliação do diretor, o melhor veículo é o que assegura o maior custo/benefício para o cliente. “Nesse sentido, a Mercedes-Benz foi a única que investiu no relacionamento com nossa empresa desde o começo, o que reconhecemos novamente nesta nova negociação”.

Economia

A Budel Transportes foi um dos primeiros clientes a adquirir o Axor 2644 logo que o veículo chegou ao mercado. “Mesmo assim, testamos quase todos os cavalos mecânicos da Mercedes-Benz, o que nos deu parâmetro de comparação com outras marcas. Na aplicação rodoviária, por exemplo, saímos de um consumo de 2 para 2,15 km/l com um caminhão sem redução nos cubos, o que nos deu uma economia em torno de 7,5%”, explica Marcus.

A resistência dos caminhões Axor também ganharam a aprovação da Budel Transportes. “Temos caminhões rodoviários ano 2007 ainda em operação. Em 2003, quando compramos o primeiro pesado com motor OM 457, a Mercedes-Benz deu um salto na questão da durabilidade. Chegamos a renovar a frota com veículos que já tinham 1.300.000 km sem ter feito reparo no motor”, afirma Marcus.