CPFL Energia incorpora BMW i3 à sua frota de veículos elétricos

Aquisição amplia para 16 o número de carros elétricos participantes do programa de mobilidade elétrica da empresa

940x529_CPFL_BMW i3_v02

A CPFL Energia, o maior grupo privado do setor elétrico brasileiro, incorporou o BMW i3 à sua frota de veículos elétricos. Com a aquisição, a companhia ampliou para 16 o número de carros elétricos que estão sendo usados para o desenvolvimento das pesquisas e dos estudos do projeto de P&D Emotive – Programa de Mobilidade Elétrica da CPFL Energia.

Saiba mais: Veículos elétricos trazem economia de até 84% nos gastos com combustível

A inclusão do BMW i3 à frota do projeto tem entre os seus objetivos a realização de testes de recarregamento de carros elétricos em corrente contínua. Diferentemente dos modelos de outras montadoras, o BMW i3 usa uma tecnologia de plug, denominada CCS tipo 2, que dispensa o uso de inversor no interior do veículo para converter a corrente elétrica de alternada para contínua, tornando o recarregamento mais rápido.

Outra vantagem do plug CCS tipo 2 é a possibilidade de efetuar o recarregamento de veículos em eletropostos que só operam em corrente alternada, que, hoje, são a maioria na infraestrutura de recarga implantada pela CPFL Energia para o projeto. Atualmente, a companhia possui seis eletropostos em operação em Campinas e um ponto de recarregamento universal em Jundiaí, no Posto Graal 67 da Rodovia Anhanguera.

De acordo com dados da BMW do Brasil, o BMW i3 tem autonomia de 160 quilômetros. Isso pode ser estendido para até 300 km graças a uma tecnologia exclusiva chamada “range extender”. Trata-se de um pequeno gerador movido a combustão que produz a eletricidade que será armazenada na bateria do veículo, ampliando a sua autonomia.

“Com a incorporação do BMW i3, buscamos ampliar o nosso entendimento sobre a percepção que o cliente tem a partir da experiência de dirigir o veículo elétrico, ao mesmo tempo em que aumentamos a exposição e o interesse público para o projeto Emotive”, afirma o diretor de Estratégia e Inovação da CPFL Energia, Rafael Lazzaretti.