DAF alcança marca de 1.000 caminhões produzidos em Ponta Grossa

Marca é atingida em abril com o extrapesado XF105 após pouco mais de dois anos de atividades da DAF no Brasil.

DAF

Em outubro de 2013 a DAF Caminhões Brasil apresentava ao público o primeiro XF105 produzido na fábrica de Ponta Grossa (PR). Cerca de dois anos e meio depois, a fabricante holandesa alcançou a marca de 1.000 veículos fabricados no Brasil quando um XF105 cabine Space Cab na cor Brilliant White chegou ao final da linha de produção.

Além do XF105, a unidade da DAF no Paraná é responsável pela fabricação CF85 desde o final de 2015. No mesmo ano, a unidade fabril paranaense foi ampliada e remanejada para produzir também os motores PACCAR MX-13, que equipam os dois modelos nacionais.

“Para nós, é uma grande satisfação anunciar que já produzimos mil caminhões”, afirma Michael Kuester, presidente da DAF Caminhões Brasil. “É uma comemoração de todos os nossos colaboradores, que a cada dia contribuem para o crescimento da marca no Brasil; da nossa rede de concessionárias, que acredita na DAF; e também de nossos clientes, que são nossos parceiros e estão lado a lado conosco na história da marca. Estamos dando passos certeiros no país, e esse marco é mais uma vitória para nós”, completa.

Fábrica recebe prêmio mundial de segurança

A planta da DAF em Ponta Grossa recebeu recentemente reconhecimento em segurança da PACCAR. A premiação elege anualmente a fábrica do grupo PACCAR que registra o menor índice de acidentes.

A operação em Ponta Grossa iniciou em 2013 e, em dois anos completos, não registrou nenhum acidente com afastamento. “É muito gratificante para nós sermos reconhecidos como a fábrica mais segura da PACCAR no mundo. Nos sentimos responsáveis por proporcionar um ambiente de trabalho seguro, para que nossos colaboradores possam, principalmente, retornar ao final do dia tranquilos para suas casas e familiares”, afirma Jeanette Jacinto, diretora de Recursos Humanos da DAF Caminhões Brasil.

O troféu foi entregue em Seattle por Bob Christensen e Marco Davila, respectivamente o presidente e o vice-presidente da PACCAR, para Michael Kuester, presidente da DAF no Brasil. Nos cinco anos anteriores a planta vencedora foi a da Peterbilt, em Denton, no Texas.