Desde 1979 no Brasil, Volvo celebra produção de 300 mil veículos na fábrica de Curitiba

No último dia 30, a Volvo atingiu a marca de 300 mil veículos produzidos, entre caminhões e chassis de ônibus, em sua planta de Curitiba. O veículo escolhido para o marco histórico foi um caminhão FH 4×2, com motor de 540cv, equipado com caixa de câmbio eletrônica I-Shift, rodas de alumínio e cabine alta XL.

Leia também: Motorista de caminhão está cada vez mais conectado

“O Brasil é uma importante operação da Volvo, com um mercado exigente e transportadores altamente profissionalizados que demandam por produtos com qualidade e tecnologia”, diz Claes Nilsson, presidente do Grupo Volvo América Latina.

N10, 1º caminhão Volvo montado no Brasil (1980)

A fábrica paranaense começou a funcionar em 1979, quando foi montado o primeiro veículo no país, um chassi de ônibus modelo B58. Um ano depois, iniciou-se a produção de caminhões, com a montagem do modelo N10, com motor de 260cv.

Primeiro chassis B58 montado no Brasil (1979)

O FH número 300 mil integra a última e mais avançada geração de uma linha de caminhões que vem sendo aperfeiçoada constantemente, desde que a marca iniciou sua fabricação no país, em 1998. O modelo é considerado o caminhão mais seguro do mundo. É reconhecido também por sua grande produtividade, além do baixo consumo de combustível e de emissões.

Leia também: Volvo inaugura CD de peças em São José dos Pinhais

Fotos: Divulgação