Empinar pipas na beira de rodovia traz risco a motoristas

940x529_Pipas

No período de férias escolares é comum que o céu fique tomado por pipas, ou papagaios, uma antiga diversão infantil, mas que pode colocar em risco muitas vidas no trânsito.

É muito comum nessa época crianças e jovens empinando pipas na beira de rodovias e, por conta disso, a concessionária responsável pela Via Dutra, principal ligação entre os Estados de São Paulo e Rio de Janeiro, está realizando uma ação para alertar quanto aos riscos que a brincadeira pode trazer.

“A CCR NovaDutra não recomenda a prática de empinar pipa às margens da rodovia e acredita que a conscientização é uma maneira eficaz de prevenir os acidentes. Por meio da distribuição dos folhetos, nossos colaboradores orientam a população sobre os riscos que essa prática representa e transmitem importantes dicas de segurança”, explica o gestor de Atendimento da CCR NovaDutra, Virgílio Leocádio.

Serão distribuídos cinco mil folhetos com as principais dicas para evitar acidentes, como:
Empinar pipas longe de rodovias e redes elétricas;
Procure espaços como parques, praças e campos de futebol;
Cuidado com ciclistas e motociclistas, as linhas podem não ser vistas e causar sérios acidentes e até mortes;
Não empine pipa em lajes de casas, distrações podem causar quedas;
E, por fim, é proibido o uso de cerol ou qualquer produto semelhante nas linhas de pipas, por determinação de lei.

Nos últimos dois anos, a concessionária responsável pela Via Dutra registrou 11 ocorrências de quedas de moto ocasionada por linha de pipa e atropelamentos de pessoas que corriam atrás de papagaios na rodovia.