Veja quais foram os itens que mais apresentaram problemas em 2016

Programa Caminhão 100% aponta a iluminação externa como o principal defeito encontrado nos 823 caminhões inspecionados em 2016

400x300-caminhao-100-ccr

Das 823 inspeções realizadas em 2016 em caminhões que participaram do Caminhão 100%, programa, desenvolvido pelo GMA (Grupo de Manutenção Preventiva) em parceria com o Grupo CCR, que tem como objetivo conscientizar motoristas de caminhões sobre a manutenção preventiva, 32% apresentaram falhas na iluminação externa.

Veja também: Caminhões usados viram alternativa de negócios para a MAN Latin America

Entre os maiores problemas verificados nos caminhões também estão a barra de direção e terminais (23%), pneus (21%), cubos de roda (17%) e embreagem (13%). Somente 2% deles apresentaram algum tipo de anormalidade em emissões de gases de escapamentos.

O programa, que checa itens mecânicos de segurança e de emissões de gases poluentes surgiu em 2010 em pontos da Rodovia Presidente Dutra e, depois, foi ampliado para a Rodovia Castello Branco.

“A manutenção preventiva pode trazer diversos benefícios, entre eles, melhoria da segurança no trânsito, da qualidade do ar, valorização do seu patrimônio, maior economia de combustível e redução da despesa com manutenção já que a preventiva é mais econômica que a corretiva, respeito ao pedestre e ao patrimônio público e maior conforto e tranquilidade”, ressalta Elias Mufarej, coordenador do GMA e conselheiro do Sindipeças para o mercado de reposição.

Nos seis anos de programa, foram inspecionados 5.907 veículos que passaram pelas inspeções.