Laboratório da FPT Industrial recebe aprovação para homologar motores

Considerado um dos mais modernos do País, o laboratório de emissões de motores da FPT Industrial, localizado em Betim (MG), recebeu a visita do IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) e da CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). Na ocasião, as instituições realizaram diversas análises acerca dos procedimentos e metodologias de ensaios, além de averiguar em detalhe as instalações do local. Após avaliações e ações de melhoria, o laboratório da FPT Industrial foi considerado totalmente apto a realizar ensaios de homologações de emissões em motores industriais, de acordo com as normas e procedimentos do PROCONVE – Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores.

O laboratório de emissões da FPT Industrial conta com dois dinamômetros ativos, capacitados para rodar com qualquer motor industrial fabricado no Brasil e que chegam a 1000 cv de potência. Com toda esta tecnologia disponível, a FPT Industrial torna-se plenamente capaz de realizar localmente todo o desenvolvimento, calibração e homologações de emissões de seus propulsores.

Os dinamômetros são totalmente automatizados e acompanham em tempo real o que está acontecendo com todos os dados do motor, por meio de sistemas informatizados. Além disso, incluem todo sistema de amostragem de gases de emissões e minitúnel de diluição com banco de análise de gases para provas de homologação.

Durante os testes, é possível analisar a quantidade de gases THC, NH3, CO, NOx, CO2, CH4, NMHC e determinação de material particulado emitidos durante os ciclos de provas, atendendo aos requisitos da norma brasileira ABNT 15634 (Veículos Rodoviários Automotores – Análise e determinação do gás de escapamento segundo os ciclos ETC, ESC e ELR). “Desde o início do processo, já foram realizadas mais de 2.000 horas de testes, a fim de manter a precisão e coerência em todas as medições, atendendo sempre às normas e legislações vigentes”, explica Helton Lage, diretor de Engenharia da FPT Industrial na América Latina.