“Memórias do BRC”: Cafezais da Fernão Dias e as Rochas Imensas de São Tomé

O “Memórias do BRC” continua sua expedição pelos cafezais e a indústria das grandes pedras.

Seguindo pela região Sul da Rodovia Fernão Dias percebe-se que a agricultura começa a dominar com muita plantação de café.

Lavras, um Centro Universitário dedicado totalmente à agricultura.

Varginha, um dos mais dinâmicos pontos de distribuição de café e outros produtos de Minas Gerais.

Passando por Três Corações e visitando São Tomé das Letras, lugar que as  grandes pedreiras  movimentam a economia regional. E onde tem pedras, tem transportes. A maior dificuldade que nossos “cargueiros” encontravam era o carregamento da frota na própria pedreira, pela falta de estrada.

Quer saber um pouco mais sobre esse avanço na economia?

Então relembre com o Murilo Carvalho