Paraná ganha delegacia de combate ao furto e roubo de cargas

940_Delegacia Roubo de Cargas PR

Foi inaugurada em Curitiba, na quarta-feira (13), a primeira delegacia especializada no combate ao furto e roubo de cargas no Estado do Paraná.

A instalação da unidade é uma demanda antiga de entidades como a Setcepar (Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas no Estado do Paraná), a Fetranspar (Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná) e de outros sindicatos de caminhoneiros do Estado e, segundo o Secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná, Wagner Mesquita, “vai aumentar a eficácia dos trabalhos contra essa modalidade criminosa.”

Os trabalhos da delegacia já eram desenvolvidos desde outubro do ano passado, enquanto os preparativos para a conclusão da sede eram concluídos. Nesse tempo, 15 ações policiais específicas foram desenvolvidas.

“Essa modalidade criminosa reveste-se de todas as características de crime organizado. Combatendo desvios e roubos de cargas, estamos também combatendo corrupção, crime de receptação, sequestros de funcionários e motoristas”, explica Mesquita. Ele afirmou ainda, que a criação dessa delegacia propiciará a formação de um banco de dados para trocas de informação com outros Estados e a especialização de uma equipe policial.

O presidente do Setcepar, Gilberto Cantú, acredita que a nova delegacia deve ajudar a diminuir o número de roubo de cargas no Estado. “Há uma equipe focada no trabalho de desmantelamento dessas quadrilhas e, como visto em outras regiões do Brasil, nós acreditamos que o índice de crimes deve cair e, assim diminuir os prejuízos do nosso setor.”

Entre os resultados obtidos desde outubro pela Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas destacam-se a recuperação de uma carga com produtos eletrônicos e móveis (avaliados em R$ 400 mil); de uma carga de 3 toneladas de frango congelado; uma carga de pneus avaliada em R$ 500 mil; uma de 50 toneladas de fertilizantes e outra de polietileno estimada em R$ 200 mil, além da prisão de cinco suspeitos de roubar carnes e cigarros.