Parcelamento de multas é rejeitado na Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados rejeitou o projeto de lei 7586/10, do Senado Federal, que autorizava o parcelamento de multas de trânsito em até seis vezes. A rejeição ocorreu na Comissão de Viação e Transportes, na semana passada.

O deputado Hugo Leal (do PCS-RJ), relator da proposta, apresentou parecer contra, por acreditar que o parcelamento do pagamento das multas diminui o impacto da penalidade para o infrator. “Com isso, a tendência é que os excessos no trânsito se tornem ainda mais freqüentes, o que resultaria em um maior número de acidentes, reduzindo a segurança em nossas vias públicas”, argumentou Leal. O projeto será arquivado, a menos que haja recurso para que seja analisado pelo Plenário.

Foto: Autopista Fernão Dias/Grupo OHL

- Publicidade -