Rodovias de São Paulo têm queda de acidentes na Páscoa

O governador Geraldo Alckmin entrega obras de recapeamento da SP-333 e descerramento de placa do Centro de Múltiplo Uso na cidade de Júlio Mesquita.Data: 10/022015. Local: Júlio de Mesquita/SP. Foto: Diogo Moreira/A2 FOTOGRAFIA

Passado o feriado de Páscoa, a Polícia Militar e as concessionárias responsáveis pelas rodovias estaduais começam a divulgar seus balanços com o número de acidentes nas estradas.

Segundo a Polícia Militar, esse ano foi observada uma queda no número de acidentes nas rodovias paulistas. Foram 519 contra 545 do ano passado, um decréscimo de 4,77%. No entanto, o número de mortos aumentou 5%, subindo de 20 para 21.

Do total de mortos, sete (33%) foram registrados em apenas um acidente, ocorrido na noite de domingo (27) em Andradina, quando, ao fazer uma ultrapassagem em local proibido, motorista e outras seis pessoas morreram após o carro se chocar com um ônibus, informou a PM.

Ao todo, os policiais autuaram, durante o feriado, 1.950 motoristas por ultrapassagens irregulares. No total, houve 16.485 autuações, sendo 19,41% delas por falta do uso do cinto de segurança. De quinta a domingo, 22 mil pessoas foram abordadas nas rodovias e 24 mil motoristas foram flagrados dirigindo acima da velocidade permitida.

A Operação Paixão de Cristo deste ano também fiscalizou o cumprimento da Lei Seca no trânsito. Foram 496 motoristas flagrados dirigindo sob efeito de álcool, sendo que 19 deles foram presos.

Rodovias Estaduais

Comemorando pelo terceiro ano consecutivo um feriado sem vítimas fatais, a CCR Via Oeste, recebeu mais de 504 mil veículos entre quinta-feira (24) e domingo (27).

O Governador do Estado de São Paulo, participa do início das obras de recuperação e duplicação da SP-425 (Rodovia Assis Chateuabriand) na cidade de Indiana.Data: 09/01/2016. Local: Indiana/SP. Foto: Diogo Moreira/A2img
Rodovias paulistas apresentaram queda no número de acidentes durante o feriado de Páscoa em comparação com 2015. (Foto: Diogo Moreira/A2img/Fotos Públicas)

Responsável pelas Rodovias Castello Branco (trecho entre Osasco e Itu), Raposo Tavares (trecho de Cotia a Araçoiaba da Serra), Senador José Ermirio de Moraes (entre Sorocaba e Itu) e Dr. Celso Charuri (em Sorocaba), a concessionária computou 36 acidentes, com 18 feridos leves.

Em comparação com o feriado de 2015, houve queda de 14% no número de acidentes e de 22% no número de vítimas.

Outra via estadual que pode comemorar os números da Páscoa é a Via Dutra. A rodovia teve 112 acidentes com 65 feridos e 2 mortos este ano. No ano passado, foram 137 acidentes, com 4 mortos.

A Autopista Régis Bittencourt também anunciou seus resultados da operação Páscoa e registrou apenas uma vítima fatal. No total foram 86 acidentes e 33 feridos durante os quatro dias do feriado.

O sistema Anhanguera-Bandeirante recebeu mais de 650 mil veículos entre os dias 24 e 27 de março. Durante o feriado de Páscoa, foram contabilizados 81 acidentes, com 43 feridos e duas mortes. O número é maior do que o registrado em 2015, quando foram contabilizados 72 acidentes e apenas uma morte.

Por fim, no corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto, foram registrados mais de 830 mil veículos durante os quatro dias do feriado. Nesse período aconteceram 18 acidentes, com 11 feridos, sendo um grave, e uma morte.