Rodovias federais da OHL Brasil registram queda de 13,4% no número de mortes

Foram divulgados hoje os últimos dados referentes ao número de mortes nas rodovias administradas pela concessionária OHL Brasil. A empresa registrou queda entre janeiro e setembro do ano passado em comparação com o mesmo período deste ano, o que reflete em um decréscimo de 13,4%.

As rodovias analisadas foram: BR-381 SP/MG (Fernão Dias), BR-116 SP/PR (Régis Bittencourt), BR-101/RJ Norte, BR-116 PR/SC, BR-376/PR, BR-101/SC Norte e Contorno Leste de Curitiba. Sendo o declínio mais acentuado na rodovia Régis Bittencourt, com um recuo de 34%.

A inversão das concessionárias federais da OHL foi da ordem de mais de R$ 2 bilhões em obras e melhorias nas rodovias, desde fevereiro de 2008, data da assinatura dos Contratos de Concessão.

Os investimentos nas rodovias federais visam ações sobre segurança no trânsito para motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres. Nessas campanhas, os usuários recebem orientações técnicas e de qualidade de vida, instalam itens de segurança em seus veículos e passam por exames básicos de saúde, gratuitamente. Desde 2008, ano em que as ações foram iniciadas, cerca de 10.500 pessoas já foram atendidas em mais de 60 campanhas.

Foto: Mauro Cassane