SP Cidade Gentil une arte e informação para debater reciclagem e coleta seletiva

Transformar um caminhão de coleta seletiva em estúdio de gravação para discutir reciclagem e coleta seletiva é a ideia do projeto SP Cidade Gentil.

940x529_C0007_00001

Arte, websérie, notícias e serviços, exclusivamente nas redes sociais, são os temperos que formam o SP Cidade Gentil. Com objetivo de criar um diálogo com a população sobre os temas que envolvem reciclagem e coleta seletiva, o projeto busca gerar experiências positivas na relação diária com o lixo.

A websérie tem 15 episódios veiculados no Facebook , além de diversos minidocs sobre a questão ambiental. Na lista de entrevistados nomes como Criolo, Laerte, André Abujamra, MC Bin Laden, Raquel Rolnik, Eduardo Srur, Dudu Bertholini, Karina Buhr, Pequeno Cidadão, Helena Rizzo, Sarah Oliveira e Iberê Thenório (Manual do Mundo).

O caminhão

Para viabilizar o estúdio móvel de gravação e fazer os convidados circularem por São Paulo contando sua relação com a cidade, o primeiro passo foi customizar dois caminhões de coleta seletiva de lixo. A obra leva assinatura do artista urbano Alexandre Orion, que criou volumes de luzes nos veículos e pintou as carrocerias de dourado. Nas ruas, os caminhões estimulavam o compartilhamento de imagens com a hashtag #spcidadegentil.

“São Paulo produz 20 mil toneladas de resíduos sólidos por dia e consegue recolher apenas 4% desse volume pelo sistema de coleta seletiva municipal. Utilizamos o mote ‘Um gesto, menos lixo!’ com a intenção de debater a questão e gerar experiências positivas na relação diária com o lixo engajando a população a aumentar o volume de materiais separados e destiná-los a coleta de resíduos recicláveis”, diz Chicko Sousa, um dos responsáveis pelo projeto.

O patrocínio do projeto SP Cidade Gentil ficou a cargo das empresas EcoUrbis e Loga, concessionárias de coleta seletiva da cidade de São Paulo, com apoio da Prefeitura de São Paulo – Secretaria de Serviços e da Amlurb (Autoridade Municipal de Limpeza Urbana).

940x529_CAMINHAO_08

A criação do projeto

O projeto no ar desde fevereiro deste ano é o primeiro trabalho com assinatura da OCAH, empresa que acaba de ser lançada e é um lab de conteúdo com foco no engajamento criativo socioambiental.

A OCAH é resultado da união do jornalista e executivo de mídias digitais Antonio Prada (ex-diretor global de conteúdo do Terra), Chicko Sousa, engenheiro e especialista em reciclagem e sustentabilidade (ex-diretor do Grupo Kapersul e sócio da Greening), e do produtor executivo Marcelo Monteiro (também sócio da Damasco Filmes). “Nosso objetivo é unir inovação e tecnologia em torno do conteúdo, com o objetivo de estabelecer um engajamento criativo socioambiental entre pessoas, entidades, cidades e marcas, públicas ou privadas.”, afirma Antonio Prada.