Via Anchieta completa 70 anos de inauguração

Primeira pista da Anchieta foi inaugurada em 22 de abril de 1947 com pista dupla, pavimentação e concreto e cimento, 58 viadutos, 18 pontes e cinco túneis

Anchieta
Foto da inauguração da Via Anchieta em 1947. Foto: acervo Fundação Arquivo e Memória de Santos

Uma das rodovias mais emblemáticas do Brasil e maior corredor de exportação da América Latina, a Via Anchieta completou neste sábado (22) 70 anos desde a inauguração da primeira pista. Desde então a estrada foi tomada pela cidade de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, e tomou ares de avenida em boa parte de seu trecho urbano.

400x300_expresso-brasileiro-avaNo Brasil colonial e imperial, a subida da Serra do Mar, maior obstáculo entre a Baixada Santista e o Planalto de Piratininga, até a região aonde hoje está a Grande São Paulo durava quatro dias, tempo reduzido para cerca de uma hora atualmente com o Sistema Anchieta-Imigrantes. A via foi construída no que seria o caminho feito pelo padre jesuíta José de Anchieta.

A construção começou em 1939. Em sua inauguração, a Anchieta contava com pista dupla, pavimentação e concreto e cimento, 58 viadutos, 18 pontes e cinco túneis. O que destacou a via então foi o fato dela ter sido a primeira no Brasil com trecho em túneis, algo visto apenas na Europa e nos Estados Unidos naquela época. A segunda pista, de descida, foi inaugurada em 1953.

Outro ponto importante que amplia o destaque da rodovia é o fato de que algumas das maiores fabricantes de veículos automotores do mundo se instalaram às margens da via nas décadas de 1950, 60 e 70.