A Volkswagen Caminhões e Ônibus estreia com o RIO na América Latina para oferecer aos clientes este conjunto de soluções digitais em “nuvem”. Oferecendo a integração total entre veículo, frotista, pós-vendas, motorista e cliente final, a marca irá fornecer a tecnologia que o moderno transportador exige, não importando seu tamanho ou rota. 

“O lançamento do RIO agregará soluções digitais para ecossistemas completos de transporte e logística. Isso vai representar uma evolução na tecnologia pioneira do Volksnet, incorporando suas funções e oferecendo muito mais. O transporte na América Latina será muito mais seguro e eficiente”, diz Roberto Cortes, presidente e CEO da Volkswagen Caminhões e Ônibus. 

O Brasil vai ser o primeiro mercado atendido antes dos planos do RIO de desembarcar no México, Argentina e Chile. Para atender às demandas regionais, a plataforma contará com serviços exclusivos para a América Latina, além do portfólio global do RIO, de fabricantes e outras empresas. Um exemplo é o pacote Security. 

“Ao longo do próximo ano, os caminhões VW Delivery, VW Constellation e MAN, além dos ônibus Volksbus, destinados ao mercado brasileiro, sairão gradualmente de fábrica prontos para conexão digital através da RIO Box, que também será oferecida para instalação a quem já possui veículos da marca com interface aberta FMS. Esperamos atender os demais mercados latinos em breve, começando pelas operações de transporte em nossas fronteiras”, explica Cortes. 

Nos caminhões e ônibus Volkswagen conectados com a RIO Box, o atendimento aos clientes pelo ChameVolks será muito mais eficiente e ágil. Ao receber uma chamada, o consultor prontamente identificará a localização e o histórico dos indicadores que auxiliarão no correto diagnóstico do veículo. Dessa forma, o concessionário acionado estará mais preparado para realizar o atendimento, de forma eficaz, em campo ou em seu espaço, aumentando a produtividade através do menor tempo de parada do veículo para manutenção. 

Sobre o RIO 

RIO é uma plataforma de logística aberta e baseada em “nuvem” que trará um grande avanço no ecossistema global de transporte e logística da América Latina. Combina informações sobre caminhões, reboques, motoristas e pedidos com dados sobre tráfego, clima e navegação, gerando recomendações valiosas e sob medida em tempo real. 

A novidade: integrando toda a cadeia de suprimentos em um ambiente de conectividade. Oferecendo todos os benefícios da digitalização para grandes e pequenas empresas no setor de logística. 

Os veículos equipados com a RIO Box vêm com um pacote básico sem custos chamado Essentials e terão acesso a mais soluções exclusivas oferecidas no Marketplace (mercado virtual). O RIO Essentials oferece mapas digitais com a posição do veículo, análise de desempenho, consumo médio de combustível, distância percorrida no período, tempos de direção e parada, além de horas de funcionamento do motor. 

Serviços RIO serão progressivamente introduzidos no Marketplace da plataforma. “Os clientes poderão aderir ou cancelar serviços individualmente, a cada dia e por veículo, sem um prazo mínimo — taxas de adesão ou prazos mínimos de permanência não se aplicam, com exceção dos serviços que exigem equipamentos adicionais (como sirene, sensores etc.)”, explica Jan Kaumanns, CEO do RIO. 

Frota-piloto 

Clientes brasileiros já rodam equipados com a RIO Box (equipamento que conecta o veículo às soluções em “nuvem”) para testar a novidade. Dados dos veículos poderão ser visualizados em tempo real no estande do RIO (hall 12, C21) no salão internacional IAA em Hannover, na Alemanha, de 20 a 27 de setembro.