Conheça o Volvo Iron Knight, o caminhão mais rápido do mundo

Modelo da Volvo bateu o recorde de velocidade nas categorias de 500 metros e 1.000 metros com arranque e atingiu uma velocidade máxima de 276 km/h

940x529-volvo-iron-knight
Iron Knight – Veículo foi totalmente personalizado, com exceção do motor e da transmissão I-Shift Dual Clutch, itens de série nos modelos FH da marca

Os caminhões já têm o seu Usain Bolt, e ele se chama The Iron Knight (O Cavaleiro de Ferro, em inglês). Com 2.400 cv e 600 mkgf de torque, o modelo ultraveloz da Volvo foi projetado desde o princípio com o intuito de ser o mais rápido entre os pesados — e conseguiu.

No trabalho realizado no caminhão, uma equipe de especialistas da Volvo Caminhões encontrou formas inovadoras de unir tecnologia a design, como reduzir a eletrônica do possante ao mínimo e montar um motor D13 intercooler refrigerado a água e quatro turbocompressores.

Os recordes vieram a reboque. Na primeira tentativa, o Iron Knight desenvolveu uma velocidade média de 169 km/h e um tempo de 21,29 segundos para percorrer 1.000 metros no Skellefteå Drive Center, um antigo aeródromo nos arredores de Skellefteå, no norte da Suécia.

Na segunda quebra, os 500 metros, o cavalo atingiu 131,29 km/h em 13,71 segundos. A tentativa de recorde foi reconhecido pela FIA, a Associação Internacional de Desportos Motorizados.

Veja como foi:

Ao volante do “Cavaleiro de Ferro” estava Boije Ovebrink, piloto sueco com mais de 30 anos de experiência em corridas de automóveis e caminhões, e cinco recordes de velocidade.

“O Iron Knight pode ser descrito com uma só palavra: perfeição. Tem um aspeto elegante e potência sem igual quando se acelera fundo. Este é o terceiro camião recordista que conduzo e não vejo melhor herdeiro para o Wild Viking e o Mean Green”, diz Ovebrink.

detalhe-iron-knight
Detalhe da lateral do Volvo Iron Knight

O modelo foi equipado com a exclusiva I-Shift Dual Clutch, a mesma caixa de velocidades que equipa os caminhões Volvo da série FH.

“Isso mostra que a nossa transmissão I-Shift Dual Clutch tem um potencial enorme e que não deixa o motorista na mão, mesmo em condições extremas. O fato de o recordista mundial utilizar a mesma caixa de velocidades dos nossos caminhões FH de série é algo de que nos orgulhamos muito”, diz Claes Nilsson, presidente e CEO da Volvo Caminhões.

Aprovado pela FIA

O recorde de velocidade foi monitorizado e aprovado pela Associação Internacional de Desportos Motorizados, a FIA.

O caminhão percorreu a distância em ambas as direções. Com base nessas duas tentativas, foi calculado o tempo médio e a velocidade média. O resultado do recorde apresentado pela FIA é a velocidade média das duas tentativas.

300x400-volvo-iron-knight
Pneus Goodyear calçam o Volvo Iron Knight

Caminhões Volvo que bateram recordes

– 2007: The Wild Viking (1.600 cv) bateu o recorde mundial dos 0 aos 1000, com uma velocidade média de 158,8 km/h.

– 2010: O recorde para a mesma distância foi batido pelo NH D16 (1.800 hp), que atingiu uma velocidade média de 166,7 km/h.

– 2011: O caminhão híbrido Mean Green (motor diesel de 1.800 cv e um motor elétrico de 300 cv), conquistou novos recordes para 500 e 1000 metros com arranque, a uma velocidade média de 115,3 km/h e 152,2 km/h respetivamente.

– 2012: O Mean Green também tentou a categoria de 1.000 metros lançados e conquistou um novo recorde com uma velocidade média de 236,6 km/h.

– 2016: The Iron Knight bate o recorde de velocidade nas categorias de 500 metros e 1.000 metros com arranque.

Curiosidades sobre o Iron Knight

– Com 2.400 cv, 6.000 Nm e 4,5 toneladas de peso, o Iron Knight tem uma relação potência/peso acima de 0,5 cv/kg.

– O motor montado é o D13 com mudanças significativas, intercooler refrigerado a água e quatro turbocompressores.

– A transmissão I-Shift Dual Clutch mantém o binário durante as mudanças de velocidade. Com exceção de uma embreagem reforçada (os discos as placas de pressão foram feitos num material sintético), o Iron Knight utiliza a mesma caixa de velocidades que equipa os caminhão Volvo FH de série.

– A eletrônica é mantida ao mínimo para baixar o peso do veículo.

– O software foi reprogramado para permitir um elevado desempenho.

– A cabine foi otimizada em termos aerodinâmicos e feita em fibra de vidro. As saias laterais têm grandes entradas de ar para alimentar o motor com ar para arrefecimento.

– Durante as tentativas de recorde, o Iron Knight atingiu uma velocidade máxima de 276 km/h.