Volvo lança caixa I-Shift para VM e completa ciclo de renovação da linha

por Leandro Tavares,
de Penha (SC) para o Portal Brasil Caminhoneiro.

Em evento no mês de janeiro, durante o anúncio dos resultados obtidos em 2013, os executivos da Volvo avisaram: 2014 é o ano do VM. E nesta terça-feira a promessa da empresa sueca foi cumprida. A marca anunciou durante evento realizado no Kartódromo Internacional Beto Carreiro, em Penha (SC), que a linha VM agora pode ser equipada com a transmissão automatizada I-Shift. Com o lançamento, a Volvo completa um ciclo de renovação da família, iniciado em 2013 com o anúncio de novas versões e configurações do VM.

A caixa de câmbio eletrônica, sonho de consumo de mais de 90% dos compradores dos modelos FH, já possui a perspectiva de equipar logo de início uma grande fatia dos novos VM. “De acordo com os pedidos que a nossa rede está colocando no sistema, hoje temos 50% dos pedidos a partir de julho já são com a caixa I-Shift”, revela Francisco Mendonça, gerente de caminhões VM do Grupo Volvo América Latina. “É uma transmissão que experimentou um sucesso espetacular em poucos anos”, destaca Álvaro Menoncin, gerente de engenharia de vendas da Volvo.

A transmissão I-Shift está disponível para os seguintes modelos: VM 330cv 4×2 cavalo mecânico; VM 270cv 4×2, 6×2 e 8×2 chassis; VM 330cv 4×2, 6×2 e 8×2 chassis; VM 270cv 6×4 e 8×4 chassis; e VM 330cv 6×4 e 8×4 chassis. Para os VM com motorização de 270cv, o custo para equipar o I-Shift aumentará em R$ 20 mil. Para os modelos de 330cv, este acréscimo será de R$ 15 mil.