Incentivos ajudam mercado de caminhões a superar incertezas e fechar 2012 com 3ª melhor marca na história

Por Leandro Tavares,
da redação para o Brasil Caminhoneiro

As fabricantes de caminhões tiveram uma grata surpresa no fim de 2012. Após passar quase seis meses tendo que conviver com números de vendas abaixo das projeções, o mercado conseguiu se recuperar nos últimos quatro meses do ano, principalmente em novembro e dezembro, e fechou 2012 com 139.147, ficando atrás do incomum 2011 (que com suas vendas antecipadas de modelos Euro 3 teve 172.871 unidades emplacadas) e 2010 (quando 157.694 veículos foram vendidos no setor), de acordo com dados da Anfavea.

Com isso, a queda, que por alguns meses chegou a ser mais de 25% em relação a 2011, ficou abaixo da casa dos 20%, com 19,5%. E as perspectivas para 2013 começam boas, já que nem todos os veículos vendidos com a taxa do Finame a 2,5% ao ano foram emplacados ainda. O número final ficou próximo do previsto pelos profissionais do setor em entrevista ao Brasil Caminhoneiro em novembro de 2012 (clique aqui para ler).

A liderança entre todas as categorias ficou pelo décimo ano seguido com a MAN Latin America, com 30,39% de participação de mercado contra 22,44% da Mercedes-Benz. Entre os veículos semi-leves, o Iveco Daily 70c17 foi o mais vendido, com 859 unidades. Também da nova geração de veículos Euro 5, o Accelo 815 caiu no gosto dos compradores e foi o leve mais vendido, com 4.121 veículos emplacados.

Entre os médios, liderança de um modelo Euro 3 no ano de 2012. O Volkswagen 13.180 teve 2.338 unidades comercializadas. Entre os pesados, mais um modelo Euro 3, comercializado em peso até março do ano passado. Caminhão mais vendido do Brasil em 2011, o Constellation 24.250 foi o mais vendido na categoria, com 5.541 emplacamentos. O modelo é tão popular que o segundo colocado entre os pesados foi justamente a evolução do primeiro, o Constellation 24.280, com 5.083, sendo o Euro 5 mais vendido em 2012. E o extrapesado FH 460, da Volvo, foi o mais comercializado do segmento que é o sonho da maioria dos estradeiros, com 4.518 unidades vendidas.

Foto: Divulgação/ MAN Latin America