Grupo Volvo inicia plano de fortalecimento na América Latina

De olho em ampliar a presença no mercado latino-americano, o Grupo Volvo América Latina iniciou uma série de ações para expandir suas operações, com investimentos focados na região. A companhia aumentará a rede de concessionários no Brasil e demais países da América Latina, ampliará a infraestrutura do complexo industrial em Curitiba, reforçará a liderança do FH e promoverá ações para aumentar o market share da linha VM.

Planta de Curitiba será ampliada

“Queremos reforçar nossa liderança, proporcionada principalmente pelos atributos de nossos caminhões: baixo consumo de combustível, alta disponibilidade e grande robustez”, diz Roger Alm, presidente do Grupo Volvo América Latina. A companhia também está promovendo a integração de suas outras três marcas – os caminhões das marcas UD, Renault e Mack. “Somos uma empresa multimarcas, com uma oferta de produtos bastante ampla e que atende a todas as necessidades dos transportadores”, observa o presidente.

O grupo também tem ações para a área de serviços, por meio de um grande projeto de desenvolvimento de competências. “Queremos profissionalizar cada vez mais nossos técnicos e contribuir para capacitar os motoristas brasileiros”, declara, ao citar que, atualmente, a Volvo treina um motorista para cada caminhão vendido.

Empresa investirá na capacitação profissional

Os técnicos que trabalham nas oficinas das concessionárias Volvo recebem um treinamento super-rigoroso. São 420 horas para formação de cada mecatrônico, uma carga horária equivalente a cursos de especialização. E eles ainda têm 120 horas adicionais de treinamento para atualização anual. “Até o final de 2013 teremos 1.400 técnicos em nossa rede”, anuncia Alm.

Roger Alm, presidente da Volvo na América Latina

Como parte das ações, a Volvo visa otimizar os custos do transportador brasileiro através de telemetria e de contratos de manutenção. Hoje, já são 20 mil contratos de manutenção vigentes, contribuindo para dar mais eficiência e rentabilidade à operação de transporte. A área de pós-venda está ampliando sua já grande oferta, aumentando, por exemplo, o número des pit-stops, um serviço especial de atendimento na concessionária.

Outro grande projeto é o aumento do número de concessionárias. “Nossa rede terá mais capilaridade e densidade. Abriremos 10 novas concessionárias por ano até 2015”, destaca o presidente.

VM será um dos focos da Volvo na América Latina

Paralelamente, a empresa investe para expandir e consolidar sua unidade fabril brasileira, que serve ao Brasil e a todos os outros mercados latino-americanos. Estão sendo construídos novos prédios e pátios de produção e de entregas, assim como estão sendo ampliados e reformados alguns dos blocos já existentes. Um grande centro de entregas e o novo centro de operações logísticas serão erguidos no local. Boa parte do complexo está recebendo melhorias e aumentos na urbanização. “Estamos nos preparando para o futuro”, finaliza Alm.

(LT)

Foto: Divulgação/ Volvo