Caminhão VW movido a gás natural entra em circulação teste em maio

A sustentabilidade e o meio ambiente são temas comuns no mundo empresarial atualmente. Reforçando mais essa preocupação, a MAN Latin America apresentou o resultado de parceria com a Ambev, um caminhão 100% movido a gás natural veicular (GNV).

O veículo representa uma redução de 20% de emissão de CO2. Além disso a a nova motorização trouxe uma importante redução nos níveis de emissão sonora. O modelo teste entrará em circulação a partir de maio no Rio de Janeiro e dentro de um ano a tecnologia deverá ser levada para outros locais do país.

“Na Ambev, temos o sonho de ser a melhor empresa de bebidas do mundo, em um mundo melhor. Por isso, buscamos, em todas as áreas da companhia, apostar em projetos que nos coloquem nesse caminho. O gás natural é um combustível alternativo muito menos poluente e que já conta com uma rede madura e pulverizada de distribuição no país. Este projeto inovador tem o potencial de mudar a matriz de combustível de grande parte da frota de caminhões do Brasil, deixando-a mais limpa e melhor para o meio ambiente”, diz Vinicius Barbosa, vice-presidente de logística e suprimentos da Ambev.

O novo caminhão tem autonomia de cerca de 200 km e o sistema de armazenagem de gás natural não altera sua capacidade de carga útil, sendo a mesma da versão a diesel, podendo levar até 10 pallets de 1.250 quilos, o equivalente a cerca de 9.400 garrafas.

Segundo Roberto Cortes, presidente e CEO da MAN Latin America, “Somos parceiros da Ambev há mais de dez anos. E, para esse projeto, poder contar com a frota de caminhão deles, uma das maiores do país, nos ajudará muito a determinar o melhor caminho para ampla utilização deste combustível”.