Cascavel promete entregar autódromo reformado até fim de junho

A Fórmula Truck exigirá ainda mais velocidade da cidade de Cascavel. De olho no “buraco” que a competição tem no calendário, no dia 5 de agosto, o município paranaense anunciou neste sábado, em evento que reuniu pilotos, promotores de eventos e políticos locais, o início das reformas do Autódromo Zilmar Beux. Para deixar garantido o espaço e o direito de sediar a sexta etapa da temporada 2012 da competição, a Prefeitura de Cascavel prometeu que as obras na pista ficarão prontas até o fim de junho, mais de um mês antes do dia da corrida.

Palco da primeira corrida da competição que hoje é conhecida como Fórmula Truck, Cascavel não faz parte do calendário da categoria desde 2007. Se depender coordenação da modalidade, essa marca cai neste ano. “Vocês podem contar com a Fórmula Truck. Com toda certeza estaremos aqui em agosto, marcando a reinauguração desse autódromo, que é a nossa casa”, adiantou Roberto Cirino, diretor de operações da Fórmula Truck.

O prefeito Edgar Bueno, que na solenidade assinou a ordem de licitação para execução do novo asfalto do autódromo, frisou que a meta é ter a F-Truck como primeiro grande evento na nova fase do autódromo. “Nossas máquinas já estão trabalhando desde muito cedo até a noite, e vamos entregar o autódromo com todas as melhorias no dia 30 de junho”, adiantou. “Nós vamos ter aqui a segunda melhor praça de esportes do Brasil, a melhor do interior”.

A presidente da Fórmula Truck, Neusa Navarro Félix, já havia adiantado que, uma vez cumprido o projeto de revitalização do autódromo, a possibilidade de Cascavel ser anunciada como sede da sexta etapa de 5 de agosto é real. Edgar Bueno assumiu, desde o início do processo que consolidou as obras de reforma do autódromo, que a volta da Truck à cidade é uma prioridade.

Pedro Muffato, que já foi prefeito de Cascavel e acaba de completar 45 anos de carreira como piloto, compete na Fórmula Truck desde a temporada de 2000. Ele observou que a reativação do autódromo pelas categorias nacionais “é irreversível”. “Senti firmeza na atitude do prefeito, senti nele a empolgação com o projeto do autódromo, é um projeto que atende ao clamor da cidade, um clamor de várias décadas. O autódromo vai ficar ótimo”, avalizou.

Foto: Orlei Silva