Terminal utiliza o Whatsapp para agilizar acesso de caminhões

O terminal portuário Santos Brasil, no Guarujá (SP), começou a utilizar o aplicativo Whatsapp para facilitar o acesso aos caminhoneiros na área portuária. A implantação de gates automatizados, que incluem a leitura de um código de entrada por meio de smartphones, reduziu cerca de 81% o tempo médio no atendimento, segundo informações do portal G1.

O diretor de Tecnologia da Santos Brasil, Ricardo Abbruzzini Filho, diz que a empresa começou a pensar em alternativas para minimizar os problemas com as filas de caminhões para acessar os terminais em Guarujá. A primeira medida foi implantar o agendamento dos caminhões, há cerca de 8 anos, via internet. Mesmo assim, o motorista era obrigado a trazer um papel impresso com o SAV, o Sistema de Agendamento de Veículo, as informações dele e da carga. “Colocamos uma impressora no gate e ele poderia imprimir na hora o SAV. Mas isso gasta papel, tinta, não é ecológico, não estava correto”, afirma Abbruzzini.

Agora, a transportadora cadastra no sistema da companhia os dados do caminhoneiro, do caminhão e da carga. Caso o motorista possua o Whatsapp, ele deve adicionar o telefone da Santos Brasil e conversar com um dos funcionários via mensagem. Esse funcionário irá checar as informações passadas pelo caminhoneiro para verificar se ele realmente é o motorista daquele caminhão e que levará determinada carga. Em seguida, o funcionário envia o SAV para o caminhoneiro.

“A gente manda o QRS code por meio do Whatsapp, ele coloca a tela do celular no leitor digital do gate e não precisa de papel nenhum”, explica o diretor. Em seguida, o motorista recebe um ticket que mostra ao caminhoneiro onde ele deve descarregar a mercadoria. Caso a máquina não leia o código, o motorista pode imprimir o SAV no gate, como já acontecia anteriormente.