ZF comemora produção de 800.000 unidades do Intarder

A ZF comemora neste mês de junho o novo recorde de produção do seu sistema de frenagem para veículos comerciais Intarder: em maio, a linha de montagem ultrapassou a marca de 800.000 unidades produzidas. Há mais de duas décadas, o Intarder é um componente para veículos comerciais que alivia o trabalho do freio principal de caminhões. Consequentemente, o produto aumenta a segurança e o conforto para o motorista, e melhora a relação custo-benefício para o frotista, pois possibilita uma frenagem sem desgastes, e sem interrupção da força de frenagem durante o engate de marchas. Em sua terceira geração, o Intarder ZF oferece uma melhor desaceleração, além de ser mais leve, silencioso e ecológico do que os produtos anteriores.

A ZF iniciou a produção do Intarder em 1992 e, desde o início, os fabricantes de veículos mais conhecidos vêm instalando esse equipamento em seus caminhões e ônibus. Desde aquela época, os campos de aplicação e a demanda aumentaram de modo acentuado. E, em maio de 2013, a ZF comemorou um feito especial: a produção do freio de transmissão de número 800.000, fabricado na unidade da cidade alemã de Friedrichshafen.

“Nosso Intarder é um enorme sucesso porque veículos comerciais de todos os tipos, até mesmo veículos ferroviários, podem desacelerar de forma segura e sem desgaste em qualquer situação de condução. Isso conserva o freio principal, dando-lhe uma vida útil mais longa, além de reduzir os custos de manutenção para os proprietários de frotas”, disse Winfried Gründler, chefe da unidade de negócios Truck and Van Driveline na ZF.

Hoje, cerca de uma em cada três transmissões são equipadas com o Intarder. “Esse número pode aumentar em breve, pois já instalamos mais de 100.000 unidades da última geração do nosso freio de transmissão hidrodinâmico”, enfatizou Winfried Gründler.

Melhorias em todos os sentidos

Em sua fase de desenvolvimento mais recente, o ZF Intarder está preparado para atender as necessidades dos veículos comerciais atuais e futuros, especialmente em combinação com o novo sistema de transmissão automatizada ZF TraXon. Em primeiro lugar e acima de tudo, o Intarder oferece um torque de frenagem significativamente maior em comparação com o modelo anterior: a versão Power atinge 4.000 Nm, enquanto a variante Eco também oferece impressionantes 3.300 Nm, com uma potência de frenagem máxima de 600 quilowatts e um tempo de resposta de, no máximo, um segundo.

Como o Intarder é colocado na saída da transmissão, o efeito de frenagem é mantido mesmo durante as trocas de marcha. Isso oferece uma proteção significativa contra a perda de potência no freio principal. Outra vantagem do produto é sua alta eficiência e menor peso em comparação com os modelos anteriores: as duas versões atuais (Power e Eco) pesam apenas 65 quilos.

A nova unidade de controle eletrônico simplifica a integração no controle de frenagem do veículo, além de oferecer uma função de controle de modo de velocidade de cruzeiro. Durante frenagens contínuas sem perda de potência e frenagens adaptáveis, os sistemas de segurança como o ABS e ESP permanecem ativos. Por último, mas não menos importante, o condutor pode controlar a potência de frenagem e escolher entre um total de cinco etapas de frenagem.

Além dos motoristas e frotistas, o meio ambiente também é beneficiado: O novo ZF Intarder utiliza menos óleo, é cerca de três decibéis mais silencioso e contribui para a economia de combustível. Ele dissipa a energia de frenagem na forma de calor, por meio do circuito de refrigeração do motor. A preservação efetiva do freio principal não apenas reduz os custos das operações de transporte, mas também reduz significativamente a poluição ambiental com menos desgaste das lonas de freio.

Foto: Divulgação