Corrida em Curitiba definirá campeão brasileiro da Copa Truck 2018

Curitiba sediará a grande final da Copa Truck 2018 para a definição do campeão brasileiro da categoria.

Copa Truck 2018 terá sua definição neste fim de semana. (Foto: Divulgação)

Após o fim das Copas Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Mercosul, a Copa Truck 2018 definiu seus finalistas. Os seis pilotos entrarão na pista para lutar pelo título de campeão brasileiro da categoria.

Os pilotos que lutam pelo campeonato são: Felipe Giaffone, Wellington Cirino, Giuliano Losacco, André Marques, Renato Martins e Roberval Andrade. Além deles, outros 14 pilotos participarão da corrida, porém, sem chances de título.

Apesar de ser a última prova do ano, a Truck terá novos pilotos. O destaque fica para a estreia do mato-grossense Maikon Lauck pela equipe PPD em um Mercedes-Benz bicudo, que terá três caminhões neste fim de semana.

Maiores campeões

A Grande Final da Copa Truck 2018 terá um capítulo especial. Dois dos pilotos envolvidos na disputa do título da temporada também brigam pela hegemonia nacional nos campeonatos de caminhões. Wellington Cirino e Felipe Giaffone possuem quatro conquistas cada, ao longo de suas histórias de quase 400 corridas disputas com os trucks.

O paranaense Wellington Cirino reinou no início dos anos 2000, enquanto Giaffone iniciou suas conquistas a partir de 2007. A disputa entre eles não fica apenas na hegemonia de títulos. A prova em Curitiba também definirá vantagem, ou igualdade, no número de pole-positions. Neste caso, Wellington Cirino tem vantagem de um pole.

Campeonato de Marcas

Não é só entre os pilotos que o clima é de decisão na Copa Truck: as marcas também definirão quem será a grande campeã da temporada 2018 neste fim de semana em Curitiba.

Após 14 corridas, a VW/MAN lidera o campeonato com 494 pontos, somente 25 à frente da Mercedes. Sem chances de título, a Iveco está consolidada em terceiro com 317. Já a Scania, que passou a maior parte do ano com um piloto só, está em um honroso quarto lugar com 217 pontos, com Volvo (190 pts) e Ford (163 pts) fechando o ranking das marcas.

Numericamente, a Volkswagen/MAN leva uma ligeira vantagem: são seis caminhões na pista (Felipe Giaffone, Renato Martins, Débora Rodrigues, Witold Ramasauskas, Djalma Fogaça e Rodrigo Belinati), contra cinco da Mercedes-Benz (André Marques, Wellington Cirino, Danilo Dirani, Pedro Paulo Fernandes e Maicon Lauck). No entanto, ambas tem dois finalistas cada (Giaffone e Martins pela VW/MAN; Marques e Cirino pela Mercedes).

A Volkswagen/MAN também leva a melhor no número de vitórias: são sete (seis de Giaffone e uma de Martins) contra quatro da Mercedes-Benz (duas de Cirino e duas de Dirani); Roberval ganhou quatro com a Scania e Losacco venceu a única da Iveco na temporada 2018. A Mercedes, no entanto, leva vantagem nas poles: foram cinco, contra duas da VW/MAN e uma da Scania.